Bula Prurizin®

cloridrato de hidroxizina

darrow

 

®

 

Cloridrato de hidroxizina

 

Solução Oral

 

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO

 

Forma farmacêutica e apresentação:

 

Solução oral 10mg/5ml - frasco contendo 100ml

 

USO ADULTO E PEDIÁTRICO

 

Composição:

 

Cloridrato de hidroxizina.....................10mg Veículo q.s.p.........................................5ml

 

Veículo: aroma de cereja, aroma de framboesa, benzoato de sódio, carboximetilcelulose, glicose (sol. A 70%), sacarina sódica, sorbato de potássio, sorbitol (sol. A 70%) e água purificada.

 

INFORMAÇÃO AO PACIENTE

 

apresentando ação antipruriginosa, sendo portanto indicada para alívio de prurido(coceira) causado por condições alérgicas da pele.

 

Conservar o frasco em temperatura ambiente entre (15ºC e 30ºC).

nesta situação pode não apresentar efeitos terapêuticos, podendo trazer prejuízo à saúde.

a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término. Informe seu médico se está amamentando.

 

tratamento.

 

sonolência e secura na boca.

 

Não interromper o tratamento sem o conhecimento de seu médico.

 

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS. NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DE SEU MÉDICO.PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE.

 

INFORMAÇÃO TÉCNICA

 

A hidroxizina é uma droga anti-histamínica potente, de longa duração e alta afinidade para os receptores H1 da histamina.

 

O bloqueio sobre estes receptores inibe a liberação de histamina e suas conseqüentes ações sistêmicas. Admite-se que o prurido seja causado, em parte, pela histamina, que é o mais importante mediador liberado pelos basófilos e mastócitos sensibilizados pela IgE. A atividade da hidroxizina sobre o sistema nervoso central pode também contribuir para sua proeminente ação antipruriginosa. Apresenta ainda ações anticolinérgica e antiemética. A hidroxizina é rapidamente absorvida pelo trato gastrointestinal e metabolizado no fígado em vários metabólitos. A sua ação inicia-se em 15 a 30 minutos após a administração e dura de 4 a 6 horas. É eliminada basicamente pela urina.

 

uso de hidroxizina durante a gravidez e a amamentação. Por este motivo, o seu uso está contra-indicado nessas situações. Também está contra-indicado em pacientes que tenham demonstrado prévia hipersensibilidade aos componentes da fórmula.

 

pacientes devem ser alertados quanto à condução de veículos, ao manuseio de máquinas perigosas e outros equipamentos que requeiram atenção. O uso do produto deve ser avaliado pelo médico assistente nas seguintes condições: insuficiência renal ou hepática, epilepsia,glaucona, doença de Parkinson e na utilização concomitante de outros medicamentos (vide interações medicamentosas).

concomitantemente com agentes depressores do sistema nervoso central, tais como narcóticos, analgésicos não narcóticos e barbitúricos. Portanto, quando houver indicação do uso de hidroxizina e de depressores do SNC, a dose destes últimos deve ser reduzida.

A hidroxizina pode Ter o seu efeito sedativo potencializado pelo álcool.

 

na boca. Raramente podem aparecer crises convulsivas, tremor ou agitação.

hidroxizina, podem ocorrer secura da boca e sonolência, geralmente de caráter moderado e transitório.

Uso concomitante com substâncias depressoras do sistema nervoso central e álcool.

 

Posologia:

 

Adultos: 25mg, 3 a 4 vezes ao dia. Crianças: 0,7mg/kg de peso, 3 vezes ao dia.

 

tratamento sintomático e de suporte.

recomendadas, em função da possibilidade de aumento das reações adversas.

 

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

 

PRURIZIN 10mg/5ml (Solução Oral)-MS 1.0162.0197.005-1

 

Farm. Resp. Alexandre de Abreu Villar - CRF/RJ 7472

 

Desenvolvido, fabricado e distribuído por:

 

 

 

 

Rodovia BR-40, km 37, Areal, RJ -CEP 25845-000

 

CNPJ: 33.051.491/0001-59 - Indústria Brasileira

 

Serviço de Atendimento ao consumidor: 0800 21 8150

 

Fabricado por:

 

Boehringer Ingelheim do Brasil Quim. E farm. Ltda

 

Rod. Regis Bittencourt (BR116), km 286

Itapecerica da Serra - SP

CEP.: 06888-700

 

CNPJ: 60.831.658/0021-10

Indústria Brasileira